Agência de Notícias do Paraná

Consórcio é melhor modelo de negócio para resíduos sólidos

Por ProteGEEr, publicado em 28.02.19, última modificação em 28.02.19

Especialistas que participaram na segunda e na terça (25 e 26) do evento técnico internacional de capacitação para o Projeto de Cooperação Técnica para a Proteção do Clima na Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos no Brasil (ProteGEEr) afirmam que a formação de consórcios entre os municípios é a melhor alternativa para o gerenciamento dos resíduos sólidos no Paraná. O evento foi organizado pela Sanepar, em parceria com a Agência de Cooperação Alemã GIZ (Deutsche Gesellschaft für Internationale Zusammenarbelt), em Curitiba.

Na abertura do evento, o secretário estadual de Desenvolvimento Sustentável e Turismo, Marcio Nunes, ressaltou que a capacitação vai ajudar os municípios, principalmente os menores, a formarem consórcios para resolver a questão dos resíduos sólidos. “O Governo do Estado dá as diretrizes de como os municípios devem atuar, e a agência de cooperação alemã e a Sanepar ajudam com a expertise e tecnologia que têm sobre o assunto”, disse o secretário.

Para ler mais, clique aqui